14 de julho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
14/04/24 às 14h06 - Atualizado em 18/06/24 às 14h30

Águas Claras recebe Prêmio Sebrae

COMPARTILHAR

Rejane Mota, da Ascom – Administração Regional de Águas Claras 

A premiação é fruto da parceria do Governo do Distrito Federal com o Sebrae-DF e busca reconhecer projetos que contribuem para o crescimento econômico, social e inclusivo do DF. 

Nove regiões administrativas do Distrito Federal foram vencedoras do II Prêmio Sebrae-DF Cidade Empreendedora. A iniciativa reconhece as melhores práticas de gestão pública nas administrações regionais voltadas a empreendedores e pequenos empresários do DF sob o ponto de vista econômico, inclusivo e social das cidades. A premiação, fruto da parceria entre o Governo do Distrito Federal (GDF) e o Sebrae, é mantida desde 2019 para estimular o empreendedorismo nas cidades. 

Águas Claras ficou em terceiro lugar no Prêmio Sebrae – Cidade Empreendedora, categoria Marketing Territorial, com o projeto Águas Claras Sustentável. A cidade também foi destaque no Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora.

O PSPE (Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora), uma iniciativa do Sebrae Nacional, reconheceu 9 projetos no Distrito Federal, destacando 4 iniciativas que irão competir a nível nacional.

– Sustentabilidade e Meio Ambiente: Guará como o projeto "Plantando o Futuro";

– Turismo e Identidade Territorial, Riacho Fundo I com o projeto "Bike Parque dos Tonéis".

– Inclusão Produtiva Recanto das Emas com o projeto "Protótipo Alora – Cooperativa de Idosos Reflorescer".

– Simplificação e Fomento ao Empreendedorismo Guará com o projeto "Encantarte".

O Prêmio SEBRAE Cidade Empreendedora, que celebra as melhores práticas e reconhece o esforço dos Administradores Regionais e agentes de desenvolvimento territorial em impulsionar o crescimento econômico e social, tiveram como ganhadores:

Confira a lista dos projetos e administrações premiadas

Categoria Marketing territorial

⇒ 1º lugar: Fercal – O projeto Turismo Sustentável, Memória Afetiva do Roteiro da Estrada Colonial do Planalto Central foi premiado por desenvolver o turismo na região e incentivar as atividades características do turismo, gerando renda e identificação da comunidade local com o território

⇒ 2º lugar: Cruzeiro – O projeto Cruzeiro, Cidade do Samba fortaleceu os diversos setores econômicos da região, incluindo feirantes, quiosqueiros, ambulantes e empreendedores por meio de ações de capacitação, comercialização e disseminação da cultura local
⇒ 3º lugar: Águas Claras – O projeto Águas Claras Sustentável recebeu reconhecimento por promover a educação ambiental e logística reversa, gerando impactos socioambientais positivos por meio de um ciclo sustentável de reciclagem de materiais eletrônicos

Categoria Desenvolvimento territorial

⇒ 1º lugar: Guará – O projeto Encantarte e Projeto Itinerante no Guará promove uma feira itinerante para impulsionar artesãos, ambulantes e microempreendedores individuais da região, potencializando os negócios locais
⇒ 2º lugar: Planaltina – O projeto Rota Turística e Gastronômica de Planaltina visa o desenvolvimento e potencialização da região, fortalecendo o turismo local por meio da capacitação de empresários e alunos da escola técnica
⇒ 3º lugar: Riacho Fundo – O projeto Bike Parque dos Tonéis promoveu o empreendedorismo jovem e o fortalecimento de negócios existentes na região por meio da criação de um espaço de lazer, prática esportiva e empreendedorismo

Categoria Empreendedorismo jovem

⇒ 1º lugar: Guará – O projeto Plantando o Futuro estimula jovens residentes na região por meio da capacitação de horticultores urbanos e a inserção no mercado de trabalho
⇒ 2º lugar: São Sebastião – O projeto Oportuniza jovem busca despertar e transformar a mentalidade dos jovens, estimulando a geração de renda e o empreendedorismo na região
⇒ 3º lugar: Recanto das Emas – O projeto Vitalize – Inspiração e Criatividade tem como objetivo impulsionar e estimular os jovens da região a iniciarem os próprios negócios por meio de capacitações e compreensão de como gerir um negócio

Categoria: Inclusão produtiva

1º lugar: Recanto das Emas – O projeto Protótipo Alora – Cooperativa de Idosos Reflorescer, Unindo Gerações valoriza empreendedores da melhor idade por meio de ações de comercialização de produtos, gerando benefícios econômicos e sociais, além de promover a inserção no mercado de trabalho e o fortalecimento da comunidade local
2º lugar: Santa Maria – O projeto Encontro de Brechós 2023 promove a economia circular e sustentabilidade por meio da venda ou troca de roupas usadas em bom estado, incentivando a conscientização sobre o consumo consciente e a reutilização de peças de vestuário
3º lugar: Taguatinga – O projeto Inclusão Social Através do Empreendedor formalizou e organizou o comér
cio de ambulantes e quiosques da cidade conforme a legislação vigente.

 

 

Mapa do site Dúvidas frequentes